Arquivo mensais:Fevereiro 2008

Eclipse da Lua e passagem (explosão) do USA193

Lua VermelhaEsta noite de quarta-feira 20/Fev/2008, a partir das 21h35m (horário de Brasília) teremos um eclipse lunar (Lua entra na sombra da Terra). Veja mais informações no Física na Veia.

A Lua vai começar a se avermelhar ou ficar amarronzada às 22h43m. O espetáculo tem vários momentos, todos bem suaves e graduais vai terminar na madrugada da quinta-feira às 02h09m. UPDATE: Pessoalmente só vi nuvens e chuva. De novo. Vivam as telecomunicações e a internet para ver o que os outros viram. Que inveja!

Assim, se você estiver animado ou acordado para ver outro satélite, não na sua glória como a Lua mas sim na sua decadência, agora literal, mas desde a sua concepção, moral, veja o satélite espião que está gradativamente caindo. Em um ano caiu de 360 km para 247 km de altura.
satelite em queda

Para a região metropolitana de Campinas ele vai ser visível a olho nú (se não tiver nuvens) por um breve momento às 04h14m olhando ao leste. Ele passa rápido e tem a aparência de um ponto luminoso quando o Sol incidir sobre ele. Veja mais detalhes no Física na Veia ou informações em tempo real no site Heavens Above. Espero que não caia na cabeça de ninguém. UPDATE: A marinha americana explodiu o satélite USA193 com um míssel em torno da 01h30m desta quinta-feira.

satelite usa193

O Número 23 e a Física Quântica de Jim Carrey.

Jim Carrey deveria saber que 23 é um número deficiente.

Considere os divisores de um número e some-os. Se o número for menor que a soma de seus divisores, é chamado de deficiente. Todos os primos têm este defeito. É genético 😉 . E de fato 23< 23+1 e portanto é deficiente. Mas isto é só coincidência com o fato do filme ter sido um fracasso de público. O resumo do filme é o seguinte:

Walter Sparrow é um chefe de família que ganhou um livro de presente de sua esposa Agatha, chamado O número 23. O livro narra a obsessão de um homem com este número, e como isto modifica a sua vida. Ao lê-lo, Walter reconhece várias passagens como sendo situações que ele próprio já viveu. Aos poucos, ele nota a presença do número 23 em seu passado e, também, no seu presente, tornando-se cada vez mais paranóico. Como o livro termina com uma morte brutal, Walter passa a imaginar que está se tornando um assassino.

Veja o trailer (2m28s):

A trama chega a ser interessante mas assisti para ver como um filme pode ser elaborado a partir de um número. Minha obsessão atual.

Ao procurar o trailer, encontrei uma entrevista do Jim Carrey muito mais interessante. Neste vídeo o humorista entrevistado diz que gosta de Física Quântica:

O que ele diz não faz sentido pois é o resumo de um artigo especializado,  mas vale a pena ouvir. Ele fala bem rápido, então a legenda está logo abaixo do vídeo :

Carrey, “I was just reading this incredible paper on the stochastic phase shifting of a parametrically driven electron in a penning trap. and apparently a bi-stability arises dynamically in this specific parametrically driven systems because the phase psi of the electron’s steady state oscillation can either have the two values separated by Pi.”

O’Brien, “Cause you know, it’s funny, what shocks me about an electron in a penning trap is that most amplitude collapses are accompanied by a phase flip, given that the rate of the escape from the attractor depends exponentially on an activation energy E as the diffusion constant D approaches Tn and rho approaches epsilon^(-e/d).”

Max, “I don’t know about that Conan. Have you considered that the parametric driving force excites a nearly resonant electron oscillation at the drive frequency? OMEGAd/3 = OMEGAz + epsilon. it’s a classic example of the period doubling that occurs when a linear oscillator is strongly driven.”

Carrey, “Max, Did you just say that the OMEGAd/3 = OMEGAz + epsilon?”

“Yeah”

O’Brien, “Whoa, its actually OMEGAd/2 = OMEGAz + epsilon.”

Caminho Suave?

São tantas as emoções … Podemos considerar a primeira semana do Gabriel (870 dias de vida, 100 cm de altura) na Escola.

Grandes expectativas! Será que ele vai chorar? Vai fazer cena? Etc.primeiro dia na Escola Alguma dúvida pela foto ao lado?

Ele tirou todos os obstáculos e carregou o que precisava para entrar na Escola (Desculpe-me seu guarda).

Não escondo a satisfação no valor simbólico da imagem. Ele estava super entusiasmado. Elétrico!

Na saída, continuava alegre. Deu gritos de alegria quando viu o seu modesto avô preferido.

A imagem abaixo pode não representar bem a alegria do Gabriel na Escola mas o valor simbólico das grades faz a gente refletir.

Muitos querem entrar na escola mas alguns se sentem em uma prisão.

Não é o caso dele agora. Mas quem tem, teve, lida ou lidou com adolescentes sabe do que estou falando.

gabriel saindo da escola

O caminho, que agora ele começa, nem sempre é suave. Na escola tem que aprender a conviver, compartilhar coisas com os outros, disputar a atenção, entender regras etc.

Na idade apropriada vai aprender muita coisa não intuitiva que exige esforço, e concentração.

Mas aí ele vai ter vários momentos de satisfação do aprender. Aprender é gostoso. Difícil é estudar. O papel dos educadores, dos pais, dos avós é fazer este caminho o mais suave possível. Isto também é difícil, mas não impossível.

PS. Ninguém reclamou das grades! Lamentamos sim a insegurança pública que exige tal configuração.